O Dia dos Prodígios

Added by | 9 yearss ago

580

A acção decorre em Vilamaninhos, interior algarvio, não muito longe do mar, entre o Verão 1973 ea Primavera de 1974. Estamos no Portugal da guerra colonial: há uma madrinha de guerra e um soldado. Mas ecoam memórias da primeira guerra mundial e da implantação da república, e as pessoas desta pequena comunidade, que a emigração reduziu, parecem viver à margem do tempo, ocupadas em reviver o passado, presas em preconceitos ancestrais e conflitos caseiros. Até ao dia dos prodígios, o dia em que a aldeia vê uma serpente a voar... Com a ironia deste texto de Lídia Jorge, muito próximo do realismo mágico, o espectáculo glosa as contradições tradicionais que estruturam e esclererosam o imaginário português. Adaptação para teatro e Encenação Cucha Carvalheiro Cenário Ana Vaz Desenho de luz João Paulo Xavier Figurinos Maria Gonzaga Apoio ao movimento Madalena Victorino Direcção Musical Carlos Mendes Assessoria Artística Graça P. Correa Com: Carlos Paulo, Cristina Cavalinhos, Diogo Morgado, Elisa Lisboa, Filomena Cautela, Hugo Franco, José Martins, Lucinda Loureiro, Luís Lucas, Maria Emília Correia, Maria Ana Filipe, Rogério Vieira, Teresa Faria e as crianças António Teixeira e Duarte Teixeira Co-produção Fundação INATEL | Teatro da Trindade | Comuna - Teatro de Pesquisa ____________________ Sala Principal - M/16 23 Set a 14 Nov Quarta a Sábado às 21h00 Domingo às 16h00

Channel: Humans Channel

Related tags:

comments powered by Disqus









TerritorioScuola. Some rights reserved. Informazioni d'uso